Burkina Faso registra o segundo ataque contra cristãos em duas semanas



Seis pessoas foram assassinadas durante uma missa no último dia 12.

Em menos de duas semanas um segundo ataque contra cristãos foi registrado em Burkina Faso. No último dia 12 de maio uma igreja foi atacada por 20 homens armados, matando seis pessoas, incluindo o líder local da igreja. O ataque ainda não foi reivindicado por nem um grupo, mas pelo fato deste ser o segundo ataque contra cristãos em duas semanas existem suspeitas de que tais ataques estejam sendo orquestrados por algum grupo e que pelo menos a intolerância religiosa esteja crescendo no país.

O primeiro ataque foi registrado no dia 28 de abril onde um pastor e outros cinco membros das Assembleias de Deus foram assassinados após se recusarem a negar a fé em Cristo para aderir o islamismo.

Segundo o site Persecution, Burkina Faso não tem o histórico de ataques contra cristãos, mas devido aos ataques ocorridos durante esse ano, onde em todos os lideres das igrejas foram assassinados, o país vem se tornando uma preocupação para comunidade cristã e para o  Internation Christian Concern.

Comentários