Na Índia Hindus Demandam que Família de Cinco Pessoas Renuncie Sua Fé em Cristo


Uma família de cinco pessoas foi considerada banida de sua vila após se converterem ao Cristianismo. O fato ocorreu em um pequeno vilarejo em Narayanapatna, localizado no estado de Odisha na Índia.

Segundo o site Persecution, os moradores hindus do vilarejo confrontaram a fámilia e demandaram que eles renunciassem sua fé em Cristo, mas mesmo assim segundo relatos eles persistiram e não negaram Jesus.

Como represália ao ocorrido os moradores da vila juntamente com membros da organização paramilitar nacionalista hindu Rashtriva Swayamsevak Sangh (RSS) atacou famílias cristãs, destruindo suas casas e saqueando a igreja local. Assim fazendo com que essas famílias fugisse desesperadamente para selva afim de salvarem suas vidas.

Após o ataque as famílias atacadas informaram a polícia local e imploraram por alguma assistência, mas desde então eles estão banidos de onde moravam pelos demais moradores hindus da vila e encontram dificuldade para viver com segurança.

Essa história reflete o crescimento da intolerância religiosa que ocorre na Índia enquanto líderem do partido Bharatiya Janata continuam a atacar verbalmente minorias religiosas no país. Em 2014 a Evangelical Fellowship of India (Comunidade Evnagélica da Índia) documentou 147 ataques violentos contra a comunidade cristã local. Já em 2018, quatro anos depois, esse numero mais que dobrou chegando à 325 ataques registrados. Os cristãos locais temem que o aumento do nacionalismo religioso possa aumentar ainda mais os ataques sofridos. 

Comentários