Hospital cristão é atacado e uma Igreja é demolida no Nepal


Atualmente o Nepal ocupa a trigésima segunda posição no ranking de países que mais perseguem o cristianismo no mundo.

No final do mês de junho, representantes do partido político Shiv Sena no Nepal  invadiram um hospital cristão ligado a Ong The Leprosy Mission. O Líder do grupo Manoj Sapkota, falsamente acusou o hospital de converter pessoas ao cristianismo em troca de tratamentos gratuitos. O grupo também queimou Bíblias e hoje a equipe que trabalha no hospital teme futuros ataques.

Outro caso de perseguição ocorrido em junho foi a demolição da igreja Batase Prayer Tower. Segundo fontes locais a igreja havia tido a permissão oficial do Ministério da Floresta para contruir a igreja em uma área protegida. Só que mesmo com a permissão autoridades locais demoliram a igreja sem aviso prévio. “Eles não deixaram ninguém ao menos tirar fotos ou gravar vídeos.” Afirmou uma fonte ao Open Doors.

A perseguição contra cristãos está aumentando no Nepal, mas mesmo assim a igreja no país está tendo um crescimento extraordinário, principalmente entre as castas mais baixas do hinduísmo que foram por séculos discriminados. Segundo o governo nepalês pelo menos 60% dos cristãos do país são Dalits.

Você tem o chamado para pregar a palavra de Deus?
Se sua resposta é sim então clique no botão abaixo!

Comentários